Balanço patrimonial: saiba como fazer

13/01/2020

De maneira resumida, o balanço patrimonial é o reconhecimento dos ativos e passivos da empresa. Trata-se de um levantamento eficaz, pois avalia a situação econômica da instituição. Além disso, verifica se o fluxo de caixa atende às expectativas do negócio. Saber como fazer balanço patrimonial, portanto, é fundamental para guiar as decisões estratégicas pelo gestor e prevenir ou sanar problemas financeiros.

Tendo em vista a importância do documento para o sucesso do empreendimento no mercado, elencamos alguns passos indispensáveis para concluí-lo. Confira!

Determine o período do balanço patrimonial

O balanço patrimonial é sempre analisado dentro de um período de tempo previamente determinado. O primeiro passo para fazê-lo, portanto, é delimitar o espaço temporal. Via de regra, o levantamento contábil é concluído anualmente.

Assim, a contabilidade do negócio se mantém sólida. Além disso, o gestor consegue comparar as oscilações entre períodos de maneira eficaz. É possível, no entanto, determinar o levantamento semestral ou trimestral.

Faça o levantamento do ativo da empresa

Posteriormente, será necessário iniciar o levantamento de dados. Deve-se começar pelos ativos da empresa. Nessa etapa, é indispensável verificar todos os bens, direitos e aplicações de recursos geridos pelo negócio.

Nessa categoria, estão compreendidos o saldo bancário, o estoque e as patentes, por exemplo. A ideia é que o gestor tenha a dimensão exata do montante patrimonial que gera ou pode gerar benefícios econômicos à instituição.

Faça o levantamento do passivo da empresa

Depois de fazer o levantamento do ativo, é hora de verificar todas as obrigações às quais a empresa está vinculada. Por exemplo, é preciso ter ciência dos impostos e encargos trabalhistas a serem depositados.

Entende-se como passivo o montante de recursos que, de alguma maneira, é ou será destinado a terceiros como forma de liquidação de contas e de custos necessários para que o negócio continue funcionando.

Faça o levantamento do patrimônio líquido

O patrimônio líquido nada mais é do que a diferença encontrada entre o ativo e o passivo. Subtraindo valores nessa equação, o gestor pode compreender o cenário da empresa. Também é possível verificar a quantidade de recursos disponíveis.

Com essa informação em mãos, torna-se mais fácil melhorar a gestão do negócio e identificar se ele tem se mantido sustentável e financeiramente saudável no mercado.

Some todos os elementos do balanço patrimonial

O último passo para saber como fazer balanço patrimonial, é considerar todos os elementos da operação. Para concluir o documento, será necessário fazer a soma do ativo, do passivo e do patrimônio líquido encontrado.

A partir daí, a instituição terá em mãos um relatório completo para guiar a administração das finanças. Assim, pode tomar melhores decisões em relação à saúde econômica do negócio.

Saber como fazer balanço patrimonial é de extrema importância para a manutenção da empresa no mercado. Afinal, o documento permite avaliar a boa administração pelos gestores em relação aos bens do negócio. Se falhas forem identificadas, por exemplo, é possível repensar estratégias, melhorar a gestão e reavaliar o plano de ação.

É por esse motivo, inclusive, que se torna indispensável manter atualizado o balanço, elaborando-o periodicamente. Isso permitirá acompanhar o desempenho da empresa ao longo dos anos.

E então? Gostou das nossas dicas sobre como fazer balanço patrimonial? Comente e compartilhe conosco a sua experiência!

Siga-nos no Facebook e Instagram.

AGENDE AGORA MESMO A SUA AVALIAÇÃO

Nome
Telefone
Unidade
Tratamento
Data Desejada
Turno Desejado